Paulo Arantes: Abriu-se a porteira da absoluta ingovernabilidade no Brasil

Entrevista do filósofo Paulo Arantes, professor da USP, ao Brasil de Fato. Filósofo marxista analisa eleição de Bolsonaro e fissuras do campo popular desde a ditadura militar de 1964 Rute Pina e Emilly Dulce Brasil de Fato | São Paulo (SP) Arantes foi um dos mais importantes intelectuais ligados ao Partido dos Trabalhadores (PT), até … Continue lendo Paulo Arantes: Abriu-se a porteira da absoluta ingovernabilidade no Brasil

Anúncios

Paulo Guedes, do pinochetismo ao bolsonarismo

Jeferson Miola                   “A ditadura de Augusto Pinochet estava a todo vapor, e a universidade vivia sob intervenção militar. Economistas de Chicago haviam sido convidados pelo regime a implementar uma política econômica liberal, baseada nos fundamentos da economia de mercado defendidos por Milton Friedman. Chamados de ‘Chicago boys’, … Continue lendo Paulo Guedes, do pinochetismo ao bolsonarismo

Moro cospe na Constituição e o STF age como se tudo estivesse normal

Jeferson Miola O artigo 95 da Constituição do Brasil é claro: juiz é juiz – e ponto. Mesmo em férias, juiz continua sendo juiz. Juiz só deixa de ser juiz depois de exonerado do cargo. Ninguém pode ser juiz e agente político-partidário ao mesmo tempo. A Constituição não deixa nenhuma sombra de dúvida: para o … Continue lendo Moro cospe na Constituição e o STF age como se tudo estivesse normal

Descompasso estratégico

Jeferson Miola O tamanho do antipetismo, a extensão subterrânea do bolsonarismo, o poder manipulador do WhatsApp, a profusão de mensagens odiosas e notícias falsas, o financiamento da fraude por empresários corruptos, o peso do neopentecostalismo, a leniência do TSE, a “boca-de-urna” do Moro com a delação forjada do Palocci – são alguns dos fenômenos da … Continue lendo Descompasso estratégico

Sérgio Moro, segundo Norberto Bobbio

Sérgio Moro, agora institucionalmente integrado ao nazi-bolsonarismo, cabe como uma luva no conceito do pensador italiano Norberto Bobbio sobre o fascista: "O fascista fala o tempo todo em corrupção. Fez isso na Itália em 1922, na Alemanha em 1933, no Brasil em 1964. Ele acusa, insulta, agride, como se fosse puro e honesto. Mas o fascista é apenas … Continue lendo Sérgio Moro, segundo Norberto Bobbio

Moro se assumiu como agente do golpe para levar Bolsonaro ao poder

  Jeferson Miola, atualizado às 13:50 horas de 1º/11/2018.              Ao primeiro assobio, Moro se atirou no colo do presidente eleito como aquele cachorrinho faceiro, com o rabo abanando, ávido por receber do seu dono a recompensa pelo dever cumprido. O editorial da Folha de SP [1º/11] se espantou com … Continue lendo Moro se assumiu como agente do golpe para levar Bolsonaro ao poder

O abandono do MERCOSUL, o rentismo e o suicídio da burguesia

Jeferson Miola Não foi preciso mais que 48 horas para as entidades e lideranças do patronato industrial despertarem assombradas do suicídio que cometeram por promoverem a candidatura de extrema-direita e o avanço do fascismo à guisa não de um projeto de desenvolvimento, mas do mesquinho e odioso antipetismo. As medidas iniciais traçadas por Bolsonaro e … Continue lendo O abandono do MERCOSUL, o rentismo e o suicídio da burguesia